segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Penso que.....


Penso que as pessoas não entendem mais o significado da palavra amar.
Não há mais consenso quando o assunto é amar ao próximo. A correria  pelo engrandecimento , pela fama que a mídia proporciona é tão exagerado, que nada há o que controle os falatórios alheios diante de um erro cometido.
Não quero justificar erros, nem tampouco isentar errantes. Quero apenas salientar que, como nos diz a sábia filosofia, "Tudo é cíclico". Nada acontece ao outro que não possa acontecer comigo ou com o meu vizinho. Enquanto estamos ocupados em apontar o erro do outro, automaticamente  quatro dedos ficam apontados para nós. Não somos nada se não tivermos amigos e formos solidários com nossos semelhantes.
Não há muito o que fazer quando o caos se instaura por causa de nosso egoísmo. 
Diz a música popular que "é preciso amar as pessoas como se não tivesse amanhã" , diz também que a bíblia sagrada que "ainda que eu fale a língua dos anjos, se não tiver amor nada terei". Dessa forma, julgar alguém por errar em detrimento de seus interesses pessoais, além de desumano é imprudente e irresponsável. 
Deus sabe tanto o que faz, que nos deu dois membros, um direito e um esquerdo e deu a cada um  destreza suficiente para agir conforme nosso  pensamento, mas deixou claro que sozinhos eles não tem a mesma força. É ai onde reside a necessidade  de amar ao próximo como a si mesmo e respeitar os seus limites, as suas dificuldades, as suas capacidades e ou incapacidades.
Penso que devemos olhar mais para dentro de nós mesmos e refletir sobre nossa própria incapacidade antes de levantar o dedo e apontar o outro.

Os desenhos do céu

Tantas imagens falam por si só!!!!!!!! O que nos dizem as nuvens que desenham histórias e traçam caminhos para nossa imagin...