Detalhes (in)visíveis

Os olhos sempre enxergam mais do que costumam ver. Os detalhes, muitas vezes invisíveis, revelam a pureza e a força de tudo o que nos cerca e preenche, mesmo que de modo indireto. Basta ver e sentir o que se vê. O restante é aprendizado de toda uma vida.




 Mesmos os espinhos florescem e revelam a real beleza dentro daquilo que parece dor.


 Os caminhos nos levam onde queremos ir, mas onde pretendemos é sonho.
 Então a estrada se nos mostra rica em cores e formas e detalhes...


 As raízes que fincamos na terra determinam o destino que procuramos.






 E mesmo quando algo parecer assustador, a vida nos mostra o outro lado da verdade, florescendo à nossa frente com beleza descomunal.





 As auroras de outrora se confundem com as de agora, mas basta deixarmos tudo nascer envolvidos no bem, na verdade e no amor.

 No crepúsculo, basta olhar para trás e lembrar do que foi bom como revigorante, do que foi ruim como aprendizado, do que pareceu estranho como outro norte a consultar.














Fotos do acervo pessoal de Betania Ferreira, tiradas e editadas no celular.

Comentários

Postagens mais visitadas