Era um homem e um menino...


Numa tarde de um junho por aí
um homem e um menino caminham atrás de um sonho
um homem e um menino, numa marcha em liberdade
uma estrada de muitos versos
um caminho de histórias.

Era um homem e um menino num caminho
um destino desde menino
um encanto no sangue em que nasceu
na terra que quase brotou
na história que sempre viveu.

Era um homem e um menino
os dois desenhavam um destino
os dois sonhavam um carinho
os dois amavam o mesmo ninho.

Era um homem e um menino
um menino e um homem
os dois se confundiam nos traços
os dois se pareciam nos passos
ora homem, ora menino!

Beth Ferreira, 05.07.16

Comentários

Postagens mais visitadas